quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Mais um ano de Colheita?!

"Esse será o Ano da Colheita!" - Hoje vi uma frase parecida com essa na Internet e me perguntei o por que de nunca se ouvir falar de um ano de plantação. Plantar é um trabalho muito árduo e pesado para alguns. Muita gente não quer passar pelo processo que leva à alegria de ver a semente plantada se tornar um fruto. Mas por que? Imagino que só iremos colher aquilo que plantamos e se este será mais um ano de colheita parei para pensar... O que eu plantei? Que tipo de fruto vou colher? E chego agora à conclusão que sim, vou colher tudo aquilo que foi plantado, bons ou maus frutos, mas não posso me esquecer que o terreno tem de estar preparado para receber novas sementes, pois obviamente quero ter outras colheitas, por isso enquanto colho continuo a plantar a boa semente da Palavra de Deus, do Louvor, da Adoração e da Oração, sem me esquecer que devo amar o meu próximo como a mim mesmo, andar nos caminhos de Deus e cumprir os mandamentos de Jesus Cristo.
Sim! É um tempo de colher o que se plantou, mas continue a lançar novas sementes, pois em breve virá uma nova colheita!
“Aquele que sai chorando enquanto lança a semente, voltará com cantos de alegria, trazendo os seus feixes”. Salmos 126:6NTLH

Na Paz do Senhor Jesus,

Wesley Queiroz

1 comentários:

Queiroz, meu querido amigo. É com lágrimas de contentamento que começo a escrever para você. Sábias suas palavras e vejo (ainda mais) um amadurecimento preciso em suas letras. Perdoe-me a demora em regressar ao teu blog, mas cá estou eu - e repito, muito me alegrou sua postagem. Eu preciso plantar também, amigo. Só que nesse momento, antes que eu venha começar a cavar, eu preciso de água para irrigar minha terra. Estou sedento. Sedento. Tenho sede de Deus, do Deus vivo. Paz. Paz excedente ao intelecto. Oferto a você o poema - Órfã na Janela, de Adélia Prado.

Postar um comentário

Você foi edificado através deste texto? Então deixe seu comentário!
Deus abençoe!