Faça um Blogueiro feliz, deixe seu comentário! :)

A Graça e Paz de Cristo seja abundante no teu ser!

Igreja Perseguida

Acesse: www.domingodaigrejaperseguida.org.br

Obrigado pela visita!

Se você foi edificado através deste blog deixe seu comentário!

terça-feira, 23 de março de 2010

Magnificentíssimo!

Durante a minha infância eu ouvi por várias vezes a história de um Imperador que cultuava sua própria beleza. Sua fissura por si era tamanha que ele inventava motivos para cobrar impostos do povo somente para ter dinheiro suficiente para saciar os seus desejos de ter coleções de roupas nos seus mais variados tecidos e cores. Certo dia dois homens disseram que tinham algo inovador que os olhos do imperador nunca haviam visto antes, um tecido que só poderia ser visto por aqueles que tinham alto nível de inteligência. O imperador não conseguia enxergar nada quando os tais homens diziam estar lhe apresentando o tal tecido. Então para que não passasse por ignorante e para não perder a confiança dos homens da corte de seu povo, resolveu dizer que estava maravilhado com o que via e que mal podia ver a hora em que sua pele seria acariciada por tal invenção.
Pobre e ingênuo homem mortal. Levado por seu egoísmo e narcisismo ordenou que fosse feito do tecido uma nova "roupa real" com a qual andaria pela cidade e assim poderia saber quais súditos tinha intelecto alto ou baixo. O povo ouvindo do poder que tinha a roupa do imperador se preocupou com o que ia dizer quando passasse pela praça o imperador com sua corja. Chega o dia da exibição pública da nova roupa do imperador. Todos perplexos com o que não viam, começaram, ainda assim, a elogiar e massagear o ego do imperador até que uma criança no meio da multidão diz: "Mas o Imperador está nu tendo somente suas roupas de baixo!" Todos vendo a sinceridade da criança começaram dizer o que seus olhos podiam realmente ver, incluindo o Imperador que ao ver que estava em seus trajes menores diante de todos de seu reino, se envergonhou.
Mas onde estariam nesta hora aqueles que lhe ofereceram o tecido? Bem, estavam bem longe com o carregamento de ouro que receberam como pagamento pelos supostos trajes.
O homem quando pensa só em si e se esquece de adorar a Deus cai em seus próprios erros. Por muitas vezes nos gloriamos por conquistar algo ou por "sermos" alguma coisa. Nessas horas nos esquecemos que somos somente servos e ainda que estejamos em um alto lugar, ou em posição elevada, não podemos nos esquecer que acima de tudo e de todos existe Um que é digno de toda honra e de toda glória. Aquele que não precisa de roupas mágicas para saber o que somos ou pensamos, pois conhece todos os nossos caminhos.
Jesus é esse aquele ao qual o Profeta Isaías disse que Seu nome seria Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade e Príncipe da Paz.
Somente Ele é muito mais do que a própria vida humana, pois é MAGNIFICENTÍSSIMO! Jesus é o Rei da Glória! “BENDIZE, ó minha alma, ao Senhor! Senhor Deus meu, tu és magnificentíssimo; estás vestido de glória e de majestade.”(Sl 104:1).

O Verdadeiro Imperador de todo Universo, a verdadeira Majestade nunca irá te enganar, pois não precisa de "tecidos mágicos" para te convencer da adoração. Ele sim é Magnífico! Por isso o adoramos!
Louve sempre ao Deus da Salvação, pois só Ele, somente Ele é digno de receber o seu melhor!

 Deus te abençoe!

Wesley Queiroz