Faça um Blogueiro feliz, deixe seu comentário! :)

A Graça e Paz de Cristo seja abundante no teu ser!

Igreja Perseguida

Acesse: www.domingodaigrejaperseguida.org.br

Obrigado pela visita!

Se você foi edificado através deste blog deixe seu comentário!

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

A Volta dos que não Foram - Fruto Sagrado

Você nunca saiu daí
Mesmo assim nunca quis me ouvir
Odeia festa, muita alegria
Nada disso tá de acordo com tua liturgia
Se alguém erra, é o primeiro a julgar
É Sempre o outro que precisa melhorar
Quando faz algo, espera ser premiado
Ciúme e inveja convivem lado a lado
A volta dos que não foram
A revolta dos que não foram
Pior que tá perdido longe de casa
É tá perdido dentro da própria casa
Você tá mal, mas continua a sorrir
É um perito na arte de fingir
Se você peca, merece perdão
Mas se é o outro, já pensa na condenação
Alguém se alegra você não quer festejar
Se o sucesso não é seu...
Neném já quer chorar
Cara de santo,
Mas coração malvado
Você tá doente precisa ser curado
A volta dos que não foram
A revolta dos que não foram
Pior que tá perdido longe de casa
É tá perdido dentro da própria casa
Transformando a vida num funeral
Legalista, louco pelo ritual

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Uma vida para louvar a Deus!

"O justo florescerá como a palmeira; crescerá como o cedro no Líbano.Os que estão plantados na casa do Senhor florescerão nos átrios do nosso Deus. Na velhice ainda darão frutos; serão viçosos e vigorosos, para anunciar que o Senhor é reto. Ele é a minha rocha e nele não há injustiça." Salmos 92:12-15
George Beverly Shea, nasceu em Fevereiro de 1909 (hoje com 103 anos de idade), foi o primeiro cantor a gravar "How Great Thow Art" (Grandioso és Tu) no ano de 1955. Acompanhou o evangelista Billy Graham em suas cruzadas desde 1947 e desde então tornou-se cantor oficial da mesma. Dedicou sua vida a levar a mensagem de Deus através da canção e faz isso até hoje! É um cantor homenageado e premiado podendo destacar suas 10 indicações ao Grammy e   ter sido acrescentado ao Gospel Music Hall of Fame em 1978.





quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Tu o sabes, Senhor!


Sabe aqueles dias em que acontece uma “coisinha” aí você vai lá e ora, depois num outro dia acontece outra “coisinha” que faz a de ontem virar uma coisa maior e no dia seguinte virar uma “coisona”, um problema? Às vezes parece que nossa oração não faz sentido, não tem efeito. Parece até que estamos como Ezequiel diante daquele vale de ossos sequíssimos, sem saber o que fazer, uma situação que aparentemente já não tem mais jeito algum. Ou então talvez como Marta, irmã de Lázaro, que depois de quatro dias do falecimento de seu irmão ao encontrar Jesus disse que se Ele estivesse ali no momento em que ainda havia alguma esperança, seu irmão não teria morrido.
Ah! Se Jesus estivesse presente antes que esses numerosos problemas se tornassem impossíveis de serem resolvidos!
Quando, em visão, Ezequiel foi levado pelo Espírito Santo ao vale, e o fez passar em volta dos ossos (Ez 37:2), Deus o perguntou: “Filho do homem, porventura viverão estes ossos?” (Ez 37:3a); e então veio a resposta de Ezequiel: “Senhor Deus, tu o sabes.” (Ez 37:3b).
Quantas vezes parece que a gente ora, ora, ora e aparentemente nada acontece? Parece que o problema e a situação se tornam cada vez maiores até que chega o momento em que parece que não podemos fazer mais nada. Você se lembra de algo que já foi para você motivo de orações constantes, lágrimas silenciosas, jejum, vigília e hoje simplesmente você já não ora mais, pois acredita que isso ou aquilo Deus nem responde mais se você orar? Pois é, quero te dizer que ainda há solução!
Ezequiel ouviu a voz do Espírito dizendo que profetizasse sobre os ossos e eles tornariam a viver (Ez 37:4-9). Sabe o que aconteceu? Ezequiel profetizou e então o espírito entrou neles, e viveram, e se puseram em pé, um exército grande em extremo. (Ez 37:10).
Quando tudo parece perdido, morto e sem solução Deus entra em cena e mostra que Ele tem o poder de mudar a situação que seja!
Porventura pode um filho perdido voltar pra casa? Porventura pode um lar destruído ter harmonia? Porventura pode se abrir uma porta onde não tem parede? Porventura pode a fé que estava morta ressuscitar? Porventura pode uma oração antiga ser respondida? O Senhor Deus sabe! Só Ele tem esse poder e para Ele não há impossíveis! Aleluia!
Amado do Senhor, não desista de orar, de buscar, de acreditar! Para Deus ainda tem jeito, ainda tem solução!  Persevere, pois se creres, verás a glória de Deus! (Jo 11:40).

Na mais doce Paz,

Wesley Queiroz


quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Infográfico: Maioria dos evangélicos não compartilha sua fé


O estudo divulgado recentemente pela missão LifeWay sobre evangelismo e discipulado não foi surpresa para muitos líderes evangélicos.
A LifeWay International é ligada à convenção batista e possui um departamento de literatura e um instituto de pesquisas.  Seu estudo mais recente aponta que 80% das pessoas que frequentam a igreja uma ou mais vezes por mês acreditam ter a responsabilidade pessoal de compartilhar sua fé. Porém, 61% afirmou não ter conversado com outra pessoa sobre como ser salvo nos últimos seis meses.
Esse levantamento é parte de um projeto da LifeWay Research visando mostrar como está a  maturidade espiritual  dos fiéis e seu compromisso com evangelismo e discipulado. Para os entrevistados, eram apresentados oito “atributos bíblicos” dos cristãos maduros.
Dentre os  oito, “compartilhar sobre Cristo” teve a menor pontuação média entre os participantes que se identificaram como membros de igrejas evangélicas . Cerca de 75% dizem estar satisfeitos com sua capacidade de comunicar o evangelho , enquanto  apenas 12% não se sente confortável em compartilhar sobre sua fé.
Mesmo a grande maioria dizendo acreditar que é seu dever partilhar a sua fé e terem segurança de saber como se faz, somente 25% diz ter falado sobre sua fé uma vez ou duas vezes nos últimos seis meses s, e 14% fizeram isso três vezes ou mais.
A pesquisa também perguntou quantas vezes eles “convidaram uma pessoa descrente para ir a um culto ou algum outro programa em sua igreja?” Quase metade (48%) respondeu: “zero”. Trinta e três por cento disseram ter convidado alguém uma ou duas vezes, e 19% disseram ter feito isso três vezes ou mais nos últimos seis meses.
O pastor Ed Stetzer, presidente da LifeWay Research, afirma:  ”Muitas vezes tenho dito que só os novos convertidos se preocupam realmente em compartilhar sua fé. Na realidade, as pessoas que estão há mais tempo na igreja tendem a não compartilhar sobre Cristo menos que os novos na fé. Enquanto os recém-convertidos acham mais ‘natural’ compartilhar sua nova experiência de vida, os cristãos maduros quando o fazem precisam se programar para isso”.
Ainda segundo Stetzer, “a frequência com que alguém ora pelos seus parentes e amigos que não são cristãos é o melhor indicador da maturidade espiritual”,
Durante o estudo, 21% dos entrevistados dizem oram todos os dias pelos seus conhecidos que não são cristãos. Vinte e seis por cento afirmam orar algumas vezes por semana. Um quinto (20%) diz que raramente ou nunca ora pela conversão de outros.
“Se você tem dificuldade para compartilha sua fé, orar pelos outros é uma ótima maneira de começar. Muitas vezes a importância da oração não é vista apenas nas pessoas que desejamos  alcançar par Cristo. Ela também causa um impacto sobre a vida de quem ora “, conclui Stetzer.
Os demais resultados da pesquisa serão divulgados em breve e vão influenciar o novo material de discipulado que está sendo preparado pela editora Lifeway.


Infográfico sobre Evangelismo
Infográfico produzido por Gospel Prime

Fonte: Gospel Prime

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Deus está me Ensinando - Eyshila


Deus está me preparando para um novo tempo
Deus está me ensinando a viver pra Ele cada momento
E a tribulação só produz em mim paciência
E a solidão nunca vai me roubar a certeza da Sua presença.

Deus está me ensinando a viver
Deus está me ensinando a sonhar
Deus está me preparando para ver
Todas as promessas que eu vou conquistar
Deus está me ensinando a obedecer
Deus está me ensinando a amar
E enquanto eu espero a minha benção
Deus está me ensinando a adorar
Me ensinando... Deus está me ensinando a adorar.

No dilúvio, no êxodo, na prisão
Na pobreza, na escassez, na seca do sertão
No calor do deserto, no mar que foi aberto
Naquele projeto que nunca deu certo
Nos enlutados que choram seus mortos
Nos escombros de um terremoto
Nas ruínas de um muro caído
No choro da mãe que perdeu o seu filho querido
Nos grito de pavor, no silêncio da dor
Nos currais do palácio, nos hinos de louvor
Na cova dos leões, na morte de cruz
Nas gotas de sangue que verteu Jesus
Nas tribulações e nas perseguições
Nas notas de muitas e muitas
E muitas e muitas canções

Me ensinando
Deus está me ensinando a adorar

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Não murmures, canta


No mundo murmura-se tanto,
Entre os que cristãos dizem ser;
Em vez de Louvores há pranto,
Fraqueza em lugar de poder.
Murmuram - assim no deserto,
Em Mara, Israel murmurou;
Oh! Não vêem que Deus está perto;
Jamais Seu auxilio negou.
Em vez de murmurares, canta
Um hino de louvor a Deus;
Jesus quer te dar vida santa,
Qual noiva levar-te pra os céus.
Tu vives, irmão, murmurando,
Tal como um escravo do mal;
Se Deus a tua fé stá provando,
Tu não tens razão para tal.
Deus castiga aquele a quem ama,
De ti também não se esqueceu;
Qual pai amoroso te chama,
E cuida, sim, do que é Seu.
E mesmo se as ondas rugirem.
No revolto e bravio mar,
Os céus poderás ver se abrirem,
Se um hino tua alma cantar,
Não temas ciladas, nem morte,



Hino 302 da Harpa Cristã

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Vou Avançar - Léa Mendonça

Eu não posso mais mudar o meu passado Mas eu posso melhorar o meu futuro
Não vou ficar me lamentando
Enquanto os dias vão passando
Vou reagir e continuar semeando

Sei que ainda não alcancei a perfeição
Quem olhar pra mim ainda vai ver falhas
Mas uma coisa faço é que esquecendo-me
Das coisas velhas que ficam pra trás
Vou avançando e prosseguindo
Para o alvo

Vou avançar, vou prosseguir, vou conquistar
Eu vou romper os meus limites e acreditar
Que minha vida está escondida em Deus
E que não há chance alguma de eu falhar

Chega de plantar
Em solo que não dá retorno
Chega de esperar
Por alguém que não quer chegar
Quando ao Senhor eu me entreguei
Quando no Senhor eu me firmei
Tudo para mim ficou mais claro



quarta-feira, 16 de maio de 2012

Coisas que declaramos crer, mas que provavelmente não cremos

1) Declaramos acreditar que, a Bíblia é a palavra de Deus – Mas quantas horas por dia passamos lendo, meditando e aprendendo com a Bíblia?
2) Declaramos acreditar na missão da Igreja – Mas quantas almas ganhamos para Cristo? – O que temos feito realmente por missões? – Quanto tempo passamos em oração pelas almas?
3) Declaramos acreditar que, buscando o Reino de Deus e a sua justiça, as demais coisas são acrescentadas – Mas porque a maioria dos cristãos passam a maior parte do tempo buscando as demais coisas?
4) Declaramos acreditar que existe o inferno – Mas qual tem sido a nossa urgência diante desta declaração em pregar o evangelho de Cristo para regatar vidas da perdição eterna?
5) Declaramos acreditar que existe o céu – Mas porque não vivemos na terra com a alegria, a esperança e a fé daqueles que herdarão a eternidade com Cristo? Uma vez que, infelizmente, muitas pessoas não desejam serem cristãos pelo péssimo testemunho de alguns que cantam “Aleluia para o céu eu sigo caminhando”.
6) Declaramos acreditar que a Igreja é um corpo e uma família – Mas porque muitas pessoas que se dizem igreja, vivem se gladiando e guerreando entre si?
7) Declaramos acreditar no poder da oração – Mas quanto tempo dedicamos a orar e falar com Deus?
8 -Declaramos acreditar nos estragos causados pelo pecado – Mas quanto vigiamos e lutamos contra o pecado?
9) Declaramos acreditar no arrebatamento da Igreja – Mas porque muitos cristão vivem como se nunca deixariam o mundo?
10) Declaramos ser amigos de Cristo – Mas a declaração de Jesus é está: “Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando.” (João 15.14)
Oração: Pai, que as nossas declarações de fé não sejam apenas expressões ideológicas condicionadas à religiosidade, mas que antes, seja realmente a expressão de nossas vidas em gratidão pelo Teu amor revelado em Cristo Jesus, nosso Senhor!
Pr.Samuel Torralbo
Fonte: Gospel Prime

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Olhos bons


Dia desses recebi um e-mail de alguém que tenho grande estima dizendo que havia tentado falar comigo por telefone e relatou naquela breve mensagem alguns assuntos que queria tratar comigo. Logo que li liguei para esta pessoa que em tom amistoso me perguntou: você leu meu e-mail “bravo”? - No que eu respondi: era bravo? (rs)
Um dos motivos pelos quais sempre gostei de escrever à mão minhas cartas, bilhetes, cartões de datas comemorativas é pelo fato de que a tecnologia com todo seu avanço e grandeza ainda não consegue expressar sentimentos e emoções.  Se a pessoa que me enviou aquele e-mail não me falasse que era um “e-mail bravo” eu nunca saberia, pois não havia em seu conteúdo insulto algum.
Passado algum tempo me lembrei de uma passagem bíblica onde Jesus disse: “A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz; Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas!” (Mateus 6:22 e 23)
Se nossos olhos forem maus tudo o que for postado por outras pessoas no facebook, twitter, Orkut e afins nós vamos achar que estão nos atacando ou então mandando indiretas (ou diretas descaradas), vamos achar que alguém falou alguma coisa sobre nossa vida para os pastores da igreja e por isso a pregação parece uma lista de acusações contra nós,  é capaz de você achar que até este texto tem a intenção de atingir você ou outro alguém indiretamente, mas não é isso.
"Uma pessoa pura de coração vê virtude e pureza em tudo; mas uma pessoa cujo coração é maligno e descrente acha maldade em tudo, pois sua mente impura e sua consciência rebelde estão corrompidas." Tito 1:15 (Nova Bíblia Viva)
A verdade é que todos já tivemos, nem que tenha sido por um breve instante, essa sensação de que estão todos contra nós, e por isso precisamos exercitar nossa mente e coração e reter somente o que é bom (1 Ts 5:21) lançando fora toda tranqueira (adultério, prostituição, impureza, lascívia, Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas – Gálatas 5:19-21) que possam fazer a luz se apagar e as trevas dominarem  dentro de nós.

Encontramos na carta do apóstolo Paulo aos Filipenses a receita perfeita para fazer nossos olhos bons e nosso corpo todo ter luz: “Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.” (Filipenses 4:8)


Que cada vez que o Senhor olhar para mim e para você ele possa ver a luz do Espírito Santo acesa em nossas vidas!

Na mais doce paz,

Wesley Queiroz

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

O que na verdade somos? - Fruto Sagrado


Não há mais segredos pra esconder
Por que complicar a verdade?
Que adianta apontar o caminho
E seguir outra direção?
Quando mundo tenta nos enxergar,
Será que vê o que realmente somos?
Pra falar do amor
Tenho que aprender a repartir o pão
Chorar com os que choram
Me alegrar com os que cantam
Senão ninguém vai me ouvir...

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

A cereja do Bolo


Você já parou pra pensar que o maior acervo de histórias é o ser humano?! Todos têm histórias e experiências para contar, sejam boas ou não. Todos passaram por dias bons e dias maus, mas em alguns momentos da vida parece que tudo contribui para nos deixar pra baixo. Começa com um probleminha aqui, outro ali, e vão se acumulando os problemas até o momento em que a coisa chega a um nível que parece que não tem mais pra onde piorar e de repente vem mais um e você diz: Agora não falta mais nada! – É a cereja do bolo!

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Ainda é Tempo - Ludmila Ferber

Ainda é tempo de voltar
Ainda é tempo de recomeçar
Ainda é tempo, Ainda é tempo
Retoma de onde houve um abalo
Retoma de onde houve uma queda
Retoma de onde houve uma derrota
Retoma o teu caminho
Retoma o teu lugar
A porta permanece ainda aberta
Não fique esperando pode entrar
Na hora o confronto dói, mas cura
Aceite a correção, aceite o amor
Aceite o perdão, aceite a graça
Receba a correção, receba o amor
Receba o perdão, receba a cura
Respire fundo e recomece agora
Recontruindo os muros e o altar
Não deixe que te roubem a coroa